Agricultura

Importação de máquinas para agricultura cresce 38,8% no acumulado do ano

De acordo com a Abimaq, alta é termômetro de investimentos do setor agrícola em ganhos de produtividade

A importação de máquinas para agricultura registra alta de 38,8% no acumulado de janeiro a agosto na comparação com igual período do ano passado, aponta balanço da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), divulgado nesta terça-feira (25). “É a maior taxa de crescimento em 2018 entre todos os setores de abrangência da Abimaq”, diz o presidente do conselho de administração da Abimaq, João Carlos Marchesan.

Em agosto, porém, houve queda de 9,3% na importação de máquinas para agricultura. No tocante às exportações brasileiras de máquinas para agricultura, os números da Abimaq indicam alta de 35,3% em agosto – com o dólar valorizado tendo forte influência – e estabilidade no acumulado dos oito primeiros meses do ano frente ao mesmo período de 2017.

Segundo o dirigente, o elevado volume importado no segmento em 2018 está concentrado em máquinas que não são produzidas no Brasil, mas que o agro nacional demanda. Como exemplo, Marchesan citou colhedoras de algodão, setor do agronegócio brasileiro que vem registrando significativo crescimento nos mais recentes ciclos.

Fonte/Créditos: Universo Agro

Tag

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *