Mundo

EUA têm a metade de todas as armas de fogo do mundo nas mãos de civis

Do total de 857 milhões, 46% estão com os norte-americanos, um total de 393 milhões de unidades

Estudo divulgado pela organização Small Arms Survey nesta segunda-feira (19/06) revela que existem mais de 1 bilhão de armas de fogo no mundo e 857 milhões delas estão nas mãos de não militares. Os EUA são líderes entre os países com mais cidadãos armados. Do total de 857 milhões, 46% estão com os norte-americanos, um total de 393 milhões de unidades.

Segundo o relatório de 2017, as armas de fogo legais e ilegais em mãos de civis vão desde modelos artesanais improvisados a revólveres feitos à mão, rifles, espingardas e, em alguns países, até metralhadoras.

Além das armas dos civis, a organização estima haver 133 milhões de armamentos desse tipo detidos pelas forças militares do governo e 22,7 milhões pelas agências de segurança.

“Os civis americanos compram uma média de 14 milhões de armas de fogo todos os anos, e isso significa que os EUA são uma presença esmagadora no mercado”, afirmou Aaron Karp, autor da pesquisa, em entrevista coletiva, à revista Time.

O pesquisador disse que a nova estimativa é significativamente maior do que o total de 875 milhões de armas de fogo no mundo apontadas no último estudo, de 2007. Na época, 650 milhões de armamentos estavam nas mãos de civis.

Embora os Estados Unidos tenham sido dominantes na propriedade civil de armas em 2007 e 2017, o relatório afirma que o país está apenas em quinto lugar no número de armas na posse de militares, atrás da RússiaChina, Coreia do Norte e Ucrânia.

O pesquisador destacou que o grupo de países cuja propriedade de armas parece ter caído em relação a 2007 inclui Finlândia, Iraque, Suécia e Suíça. Por outro lado, Canadá e a Islândia registram “claramente uma alta”.

Fonte/Créditos: Época Negócios 

Tag

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *