Tecnologia

Embrapa lança tecnologia que aumenta eficiência da ureia

Tecnologia é de fácil adaptação para fabricação.

Foto: Reprodução Internet

Uma nova tecnologia desenvolvida pela Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) Solos em parceria com a Esalq/USP (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) promete reduzir os custos com o fertilizante mais utilizado na agricultura brasileira, a ureia. O fertilizante nitrogenado com aditivos deve ser lançado nos dias 10 e 11 de Outubro na EsalqShow, em Piracicaba, São Paulo.

A tecnologia evita a transformação do nitrogênio presente no fertilizante em amônia gasosa ou em nitrato, em vez de estarem aplicados ao redor do grânulo do produto estão, agora, incorporados ao grânulo.

“Desenvolvemos essa tecnologia porque o fertilizante nitrogenado é caro, em grande parte, importado e, mais de 40% é perdido para a atmosfera ou para a água quando aplicado no campo”, conta o o chefe de pesquisa e desenvolvimento da Embrapa Solos, José Carlos Polidoro.

“Os inibidores de urease são conhecidos há bastante tempo, com sua incorporação aos grânulos conseguimos aumentar sua eficiência. Assim sendo, a vantagem competitiva do produto para a indústria é grande, já que ele utiliza um inibidor conhecido, em menor dose”, acrescentou Polidoro.

De acordo com a Embrapa, o produto é de fácil fabricação e poderá ser adaptado facilmente por empresas interessadas. “Com base no conhecimento da dinâmica do nitrogênio proveniente da aplicação da ureia no solo, este fertilizante se insere num contexto estratégico e econômico da busca de maneiras para minimizar as perdas deste nutriente”, resumiu Polidoro.

Fonte/Créditos: Portal AgroLink

Tag

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *