Agricultura

Chuvas afetam lavouras de milho no MS e produção cai 25%

Colheita no Estado atingiu 7,838 milhões de toneladas na safra 2017/18

Fortemente afetada pelas chuvas, a produção de milho 2ª safra em Mato Grosso do Sul atingiu 7,838 milhões de toneladas em 2017/18, queda de 25% sobre a produção obtida na temporada anterior, segundo dados apresentados pelo vice-presidente da Associação de Produtores de Soja de MS (Aprosoja/MS), André Dobashi.

Com a quebra de safra, a expectativa da Aprosoja/MS era colher 66 sacas por hectare, mas o presidente da entidade Juliano Schmaedecke afirma que o uso de tecnologia na agricultura diminuiu os impactos da estiagem. “Percebemos que os investimentos feitos pelos produtores nos últimos dez anos, em fertilidade e genética, asseguraram um bom resultado mesmo com as condições climáticas complicadas”, explica.

A área plantada com milho safrinha se manteve em 1,8 milhão de hectares em Mato Grosso do Sul. Houveram variações nas produtividades de determinadas regiões, sendo 118,4 sacas por hectares a maior registrada. Para acompanhamento da safra, técnicos do Siga/MS visitaram 2.978 propriedades que cultivaram milho.

Nesse momento, a saca de 60 quilos de milho está sendo comercializada a R$ 29 em média em Mato Grosso do Sul, abaixo do pico de R$ 32, mas acima da média de 2017. De acordo com a Granos Corretora, 55% da safra estadual já foi comercializada.

Fonte/Créditos: Universo Agro

Tag

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *